Banduvitarra

Mais informações

Descrição

Instrumento híbrido formado por um corpo de bandurra e por um braço mais longo similar ao da guitarra portuguesa. Possui doze cravelhas, cavalete e pestana feitos de madrepérola. A afinação é a mesma de uma viola: mi2-lá2-ré3-sol3-si3-mi4.

Para saber mais

A bandurria é um instrumento de cordas pinçadas com plectro. É uma forma híbrida que mistura as famílias da guitarra e do cistre, é encontrado na Espanha e em algumas partes da América Latina. No século XVI possuía corpo abaulado e três cordas, os exemplares mais recentes possuem cinco ou seis cordas afinadas em 4ºs. O catálogo de 1974 do Museu Instrumental Delgado de Carvalho informa que este instrumento foi uma invenção de João da Silva Braga, que construiu este cordofone híbrido reunindo características da bandurra, do violão e da guitarra.

Dados gerais [classificação e nomes adicionais]

321.322 Alaúdes em forma de caixa achatada com braço e cravelhame

Dados do exemplar [este item em específico]

mvim_dc_co_0003

1912

C=63 cm L=28cm A=6 cm

Inscrição de origem: placa de madreperola na frente do cravelhal "JB". Inscrição de origem: selo no interior da caixa de ressonância “A RABECA DE OURO FORNECEDOR DO INSTITUTO NACIONAL DE MUZICA”, “MEDALHA DE 2o CLASe 1878”, “EXPOSICOES DO BRAZIL”, “MEDALHA DE PRATA”, “EXPOSICAO DE PARIS 1889”, “PORTUGAL PHILADELPHIA” , “PHILADELPHIA 1876”, “MEDALHA DE PROGRESSO 1876”, “JOAO dos SANTOS COUCEIRO”, “FABRICA RABECAS VIOLONCELLOS CONTRA-BAIXOS VIOLOES VIOLAS E ARCOS & “, “RECEBE DIRECTAMENTE DA EUROPA [?] ARTIGOS”, “Pertence [?] Instrumentos de Musica”, “VENDEM-SE CORDAS PARA TODOS OS INSTRUMENTOS”, “Especialidades nos concertos” , “RUA SAO FRANCISCO DE ASSIS 42 (ANTIGA CARIOCA)”, “RIO DE JANEIRO”

Doação de Aristotelina Braga da Silva Marques, Almerinda Braga Pereira Marques, Alcina, Almir e Altamiro Verneck Braga, filhos do construtor, João da Silva Braga.

MIDC/EM/UFRJ 321.3 I16 Prat. 11

Bibliografia

ALMEIDA, 1994.
BASE MINERVA, 2014.
BETHENCOURT; BORDAS; CANO; CARVAJAL; SOUZA; DIAS; LUENGO; PALACIUS; PIQUER, ROCHA, RODRIGUEZ; RUBIALES; RUIZ, 2012.
BRANDÃO, 2013.
PAULO SÁ, 2014.
ROLLA, 1974.
SADIE, 1994
SOARES, 1990.